O que não te falaram sobre harmonização facial
O que não te falaram sobre Harmonização facial

A harmonização facial é um procedimento estético em alta no mundo das celebridades. Além de ser muito procurado, oferece resultados significativos e visíveis. 

Entre as mais diferentes formas de rosto do mundo, o que nos faz pensar que alguns rostos são mais bonitos que outros?

Embora o gosto seja uma questão subjetiva e pessoal, ainda há uma resposta.

Por mais que não exista o conceito de rostos bonitos, existe um conceito de rostos harmoniosos. Quer entender melhor? Acompanhe mais um artigo escrito pela MMI Clinic!

Mercado estético no Brasil

Em todo o país, é cada vez maior o número de pessoas que procuram realizar procedimentos estéticos para melhorar a autoestima. Na verdade, nada é melhor do que se dar bem consigo mesma, não é mesmo?

Entre os procedimentos estéticos mais populares no Brasil, o preenchimento com ácido hialurônico é o mais procurado em todas as clínicas. Seja para preenchimento de lábios, bochechas ou queixo. Já a toxina botulínica ocupa o segundo lugar seguido do peeling na terceira posição. Laser e fio de sustentação ficam no 4º e 5º lugar, respectivamente.

Lembre-se de que todos os procedimentos estéticos requerem planejamento. Portanto, levar em conta o tempo necessário para aguardar a recuperação da pele ou mesmo o período mais adequado para fazer tal procedimento, garantem um planejamento estético adequado e resultados mais seguros para sua saúde.

Entenda a beleza harmônica do seu rosto

Inicialmente, o rosto pode ser dividido em três partes que devem ser proporcionais.

O primeiro terço é do início do cabelo até as sobrancelhas, o segundo é das sobrancelhas até a raiz do nariz e o terceiro é da raiz do nariz até a ponta do queixo.

Hoje, a harmonização facial se tornou a melhor maneira de ir em busca dessa simetria, e muitas celebridades seguiram esse procedimento estético e mudaram sua aparência.

Como o nome sugere, espera-se que esse processo torne o rosto mais harmonioso e unificado.

Ângulos e simetria

De acordo com especialistas, a harmonização facial destaca a personalidade de cada indivíduo sem perder sua identidade.

A beleza depende do ângulo, proporção e simetria que são considerados “ideais” do rosto. Assim, surgiu este novo conceito, que realça as características naturais de cada pessoa, realça vantagens e atenua as desvantagens.

A harmonização a torna mais bonita e aprimora as capacidades existentes das pessoas. Para tanto, deve haver um conceito anatômico, a dinâmica facial e seus movimentos.

Segundo especialistas, o efeito da harmonização facial pode não só restaurar a beleza de cada rosto, mas também melhorar a autoestima e a autoconfiança do paciente.

O ar de cansaço do rosto é tirado, suavizando as expressões. O bigode chinês é amenizado, os lábios ganham mais volume, o queixo nariz e boca são alinhados. 

Tudo isso de forma natural e sem declarar literalmente os procedimentos que foram realizados

Análise facial

Tudo começará com uma análise geral do rosto e do sorriso, que será a base e estrutura do início da harmonização facial.

A harmonização facial deve primeiro ser avaliada com um profissional da área de dermatologia para que ele entenda a anatomia e suas necessidades.

A pele é primeiro tratada com bioestimulantes para relaxamento, preenchimentos são usados ​​para repor o volume, a toxina botulínica é usada para remover rugas dinâmicas e equipamentos ultraformadores são usados ​​para melhorar o relaxamento muscular.

Fazem parte da harmonização:

  • Aplicação de Toxina Botulínica – Preenchimento de Malar;
  • Preenchimento em Olheiras ou Bolsas – Definição do arco Mandibular;
  • Protuberância Mentual – Elevação do queixo;
  • Aumento e Correções de assimetrias labiais;
  • MDcodes – Mapeamento facial com pontos estratégicos;
  • Correção do Sorriso invertido;
  • Marionetes – Rugas nos cantos da boca;
  • Sorriso Gengival;
  • Aplicação em Códigos de Barra – Linhas verticais ao redor da boca;
  • Aplicação em Têmporas;
  • Elevação da Ponta nasal.

A análise facial é pessoal, ou seja, cada um tem suas características e limitações seletivas.

Muitos são os procedimentos que podem interferir na melhora do rosto e dos harmônicos do paciente, tudo depende de uma análise rigorosa, mas sempre busque a naturalidade sem perder a expressão.

Ácido hialurônico x toxina botulínica

Existem muitas conversas sobre ácidos, toxinas e cargas. Mas para que cada um é usado? Que papel ele desempenha na harmonização?

A toxina botulínica e os preenchimentos são os métodos mais procurados para essa finalidade, pois além de manter a harmonia facial, podem restaurar o volume e melhorar a textura da pele.

O ácido hialurônico atua como um enchimento. Na harmonização facial, tem sido usado como preenchedor de lábios, mas também pode ser usado em outras partes do rosto para corrigir a famosa e irritante “bigode chinês” e possíveis irregularidades faciais.

Já a aplicação de toxina botulínica, popularmente conhecida como “botox”, pode ser usada nas rugas dinâmicas, as quais aparecem ao movimento. Auxilia também na diminuição dos famosos “pés de galinha”.

O que é menos conhecido é que essa toxina não só tem o efeito de esticar a pele, mas também pode ser usada para reduzir a contração de certos músculos que dificultam a mastigação adequada e até mesmo as funções da voz.

O tempo de duração varia de três a quatro meses, podendo ser estendido até seis meses. Deve haver pelo menos quatro meses de intervalo entre uma aplicação e outra.

Conte com a MMI Clinic

Agora que você já sabe quais os pontos estratégicos da harmonização facial e todas as particularidades que cerca este procedimento tão procurado pelos pacientes, que tal entrar em contato com a MMI CLINIC e agendar uma consulta para conhecer nossa clínica e nossos profissionais?

Entre em contato conosco e saiba mais!